Resenha Salem Lime Crime

Leia mais

Resenha Dailus Pro 20

Leia mais

Resenha Menow #18

Leia mais

Vinhom QDB

Leia mais

Meu tratamento com o Vitanol A

Logo no início da vermelhidão: Ainda piorou mais do que isso...

                      Quase no final do tratamento, a acne diminuiu mas as manchas já bem fortes.

Rosto hoje, depois da reposição hormonal:


Oi gurias, hoje vim falar sobre o meu tratamento com o Vitanol A. Na minha guerra contra as espinhas comecei a fazer esse tratamento e contei aqui no blog, isso foi no ano passado e os posts sobre isso foram os campeões de acesso.
Recebo inúmeros emails com perguntas e por isso quero esclarecer melhor o que é esse tratamento para que vocês entendam o que ele realmente é antes de pensar em iniciar o uso.

O que ele é?
Ele é a base de ácido retinóico e é encontrado em várias concentrações. A que eu uso é a 0,1%.
Ácido retinóico ou tretinoína é a forma oxidada da vitamina A. É um dos compostos atuais mais utilizados contra os efeitos do envelhecimento precoce e tratamento da pele acneica. Promove a esfoliação e estimula a produção de colágeno, substância que é responsável pela firmeza da pele. Outra função atribuída é a de reorganizar as fibras elásticas danificadas pela exposição solar e ainda melhorar a irrigação da derme. Esse tratamento pode ser feito no rosto, pescoço, colo e mãos, em concentrações diferentes.

Até ai está tudo bonito não é? Mas o processo em si não é nada glamuroso! Não estou aqui para dar os dados técnicos, se fosse isso vocês teriam procurado algum site de dermatologia, estou aqui para dar a minha opinião de quem usou o Vitanol por um longo tempo e hoje depois do término desse venho dar a minha opinião.
Toda pessoa que começa esse tratamento tem que ter em mente se vai aguentar a barra de se ver no espelho como um zumbi em carne viva durante algumas semanas... Confesso que eu não aguentei. Foi um baque na minha auto estima. Me sentia feia, comecei a comer compulsivamente e engordei horrores. Tudo isso por que eu estava me sentindo infeliz em não poder me olhar no espelho. Meu caso de descamação e vermelhidão foi tão forte que até a minha médica pediu para que eu parasse por uns dias e depois de duas semanas começasse aplicando aos poucos novamente. Voltei na tal médica pois o ardor estava muito forte e ela sempre naquela de: É NORMAL!!!
Fiz isso, e o meu caso de espinhas se tornou um caso também de procurar um outro amigo que é médico. Ele me receitou fluoxetina, pois eu estava ai já entrando em uma depressão. A melhor coisa que fiz foi procurar outro médico! Ele me alertou aos cuidados que se deve ter ao iniciar um tratamento assim é não usar nada que contenha outro ácido, ou seja esses outros produtos que servem para evitar espinhas contém ácido salicílico e com isso pioram a vermelhidão e a sensibilidade. Podendo, com isso até causar linhas de expressão e rugas!
Eu nessa época usava o assepxia como sabonete, então estava fazendo errado!
Passei então a usar sabonete neutro, e a situação começou a melhorar.
Segundo passo depois de procurar esse novo médico foi que ele me explicou uma coisa que até então eu deixava de lado:
Vanessa, se a pele está avermelhada é porque está "exposta" então você, agora mais do que nunca deve SEMPRE USAR FILTRO SOLAR, MESMO QUE DOA!  Senão hoje você trata espinhas, amanhã serão as manchas causadas por esse tratamento.
No meu caso esse aviso veio um pouco tarde demais, pois o meu rosto doía quando eu passava o filtro e com isso eu muitas vezes deixava de usar. Com isso vieram as manchas. Usei ao todo 2 tubos de Vitanol. Fiquei sem acne por um bom tempo no rosto, mas com o rosto super sensível e manchado.

Esse outro médico me pediu para que eu fizesse alguns exames de sangue após o meu término com o Vitanol para saber o porque dessa minha acne ter piorado ano passado, pois nem na adolescência eu tinha. Coisa que aquela médica deveria ter pedido antes do inicio do tratamento.
E com isso veio o resultado de que a minha acne é por problemas hormonais. Hoje faço o tratamento de reposição desse hormônio e  minha acne diminuiu 90%. Hoje também faço tratamento para as tais manchas com peelings, despigmentadores da pele, e pomadas usadas 4x na semana, mas tenho noção que essas manchas nunca vão sair! Isso foi o médico que me falou!
Elas podem ser tratadas, amenizadas e até sumir por um tempo, mas isso faz parte. Elas irão sempre voltar!

Portanto antes de começar um tratamento desses, saiba que isso pode ocorrer; NUNCA INICIE UM TRATAMENTO DESSES POR CONTA PRÓPRIA E SEM O AUXÍLIO DE UM DERMATOLOGISTA!

Me contem, já usaram o Vitanol A?







VOCÊ PODERÁ GOSTAR DE:

8 comentários:

  1. Nossa seu rosto melhorou bastante.

    http://blog-world-pink.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Já usei, aliás, ainda uso. Não tenho problemas de acne, uso mais para clarear a pelo mesmo. Eu adoro!
    beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  3. Com a chegada dos quarenta não tinha jeito, minha pele estava desmanchando, eu olhava no espelho a cada manhã e sentia como se estivesse derretendo!
    Ficar velho todo mundo vai , mas não acho que a gente tem que aceitar os sinais do tempo com relaxamento, vi que a situação precisava de uma abordagem urgente e drástica , fui ao médico e ele me receitou o Vitanol A , mas ele me orientou.
    No meu caso era para sustentação da pele, linhas de expressão e rugas.
    Ele não me deu uma receita de Vitanol A e me mandou embora, eleme informou sobre o produto que eu ia usar e como usar.
    Começamos com a porcentagem mais baixa, noite sim, noite não , me receitou um sabonete hidratante, me receitou um hidratante noturno e um diurno , um creme só para a área dos olhos e um protetor solar com fator de proteção alta e eu deveria usar somente na hora que fosse para a cama pois o Vitanol A além de não poder ser exposto ao sol , não pode também ser exposto a luz branca e dentro de casa é o que temos.
    E assim comecei meu tratamento com a porcentagem mais baixa e bem orientada.
    Mesmo assim minha pele ficou cor de rosa, sofri leve ardência e ligeira descamação.
    Uma bisnaga de Vitanol A, bem usada , dura bastante e quando acabou eu não tinha mais essas reações e era hora de voltar ao médico.
    Fui cuidadosamente avaliada e ele resolveu que era hora de passar para a próxima porcentagem, eu deveria manter a mesma rotina e cuidados , mas recebi uma nova orientação de que se a vermelhidão e o ardor voltassem , bastava que eu diminuísse a frequência de uso, lembrem-se que eu usava noite sim, noite não, então eu deveria alternar as noites para duas noites sem usar.
    Até então eu não via grande diferença na pele , ela estava mais macia ao toque e só , mas o médico me parabenizou por eu ter conseguido seguir uma rotina e ter disciplina e me tranquilizou e me disse que em breve eu veria bons resultados.
    Isso me ajudou com a auto estima , eu sabia que nada pode refrear o tempo e suas consequências , que milagres dermatologicos não existem , mas eu estava me cuidando e isso mudou tudo.
    Me senti bem para cuidar também do cabelo, das unhas , controlar o peso , atividades físicas, tomar água, muita água e quando dei por mim o espelho já não era meu inimigo e eu podia encará-lo de manhã e a qualquer hora.
    Comecei usando a porcentagem um pouco mais alta, do mesmo jeito, continuei com minha rotina, parecia que a pele já estava adaptada, mas com poucos dias aconteceu a revolução, ardia, ficou vermelha e descamava no queixo, cantos da boca e acima da sobrancelha, mas eu estava orientada e como o médico me disse eu fiz, passei menos vezes por semana, logo a pele se recuperou, mantive por um tempo essa rotina e só então me arrisquei a voltar a velha rotina de dias alternados e tudo correu bem.
    Novamente fui até o fim da bisnaga , isso demanda um bom tempo pois Vitanol A não é quantidade, é rotina , aliás se usa o mínimo possível.
    Voltei ao médico que ficou feliz de me ver , fez elogios a pele, e eu me senti muito bem, estava nas nuvens, meu tratamento já estava perto dos seis meses e o médico só confirmou o que as pessoas vinham falando , perguntas do tipo , o que você está usando na pele? Já vinham fazendo e eu mesmo já via uma pele clara, limpa, firme, mas eu achava que era coisa da minha cabeça, nessa época já achava que algumas linhas de expressão fininhas tinham sumido e que as mais profundas estavam atenuadas,e tudo isso o médico disse.

    ResponderExcluir
  4. Ele me fez perguntas do tratamento, me parabenizou e novamente mudamos a porcentagem, saí do consultório orientada e eu sabia que ia passar por transtornos novamente , na verdade não sabia de nada, me surpreendi porque a pele não deu a mínima para mudança, foi a bisnaga mais tranquila de ser usada, sem problemas levei até o final.
    Hoje uso a porcentagem mais alta durante todo o ano e no verão a porcentagem intermediária.
    Tenho uma pele bem cuidada, sem manchas, brilhante e macia , tudo começou com o Vitanol A, mas como eu disse, uma boa alimentação, atividade física, muito líquido, um bom cabeleireiro e visitas periódicas ao médico é necessário.
    Temos que ter isso em mente, devemos amar a Deus sobre todas as coisas e devemos amar ao próximo COMO A NÓS MESMO , como amar a Deus e ao outro se não conseguimos nos amar?
    Se amem , se gostem, façam tudo para se sentir bem , em paz para poder dividir isso com todos que te cercam.

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  5. Faço uso do vitanol anualmente durante 2 meses no inverno. Tomo todos os cuidados e minha pele está ótima. Tenham cuidado, o tratamento NUNCA deve ser longo pois o resultado será oposto, a pele fica fina surgindo vizinhos e rugas finas.

    ResponderExcluir
  6. Amiga que processo! mas, me conte uma coisa, você não leu a bula? tudo o que você disse está na bula, a parte das interações medicamentosas com o ácido salicílico e o filtro solar, além de outros cuidados...

    ResponderExcluir
  7. ESTOU USANDO VITANO A 0,5 gostaria de saber quanto tempo demora para vermos os primeiros resultados

    ResponderExcluir
  8. ESTOU USANDO VITANO A 0,5 gostaria de saber quanto tempo demora para vermos os primeiros resultados

    ResponderExcluir

Muito obrigado por comentar! Seu comentário é muito importante para mim!